Social Media funciona na Comunicação Interna?

Vivemos um novo momento dentro da Comunicação Corporativa, com empresas passando a adotar social media para se comunicar com o seu funcionário, mas como isso é muito novo, é comum o questionamento se isso realmente funciona.

Creio que a pergunta que as empresas devem fazer antes de mais nada é “o que eu quero com social media?”, afinal a ideia é levar informação ou estimular a colaboração? São coisas bem diferentes e que podem se completar, mas que não substituem uma pela outra. Quando se opta em trabalhar com social media deve-se estar aberto à colaboração, já que é justamente ela que levará ao engajamento, porque a informação pela informação não cumprirá esse papel.

Então ok, mas como fazer para trabalhar social media com os funcionários? Onde buscar material para se embasar? Para mim, a resposta é bem óbvia, na fonte! Onde mais você pode saber o que dá certo ou não se não em agências que trabalham com social media? Tenho estudado a aplicação da social media em Comunicação Interna, como ferramenta de Endomarketing conhecendo justamente esse mercado.

Vamos pensar, se a social media é usada para atrair clientes e fidelizá-los para as marcas, com o intuito de conduzi-los à jornada que leva até a conversão ou compra, é certo dizer que é possível fazer o mesmo com um target focado no público interno, conduzindo-o em uma jornada até o engajamento, que não deixa de ser uma fidelização para “comprar” a filosofia da organização e se sentir parte dela. É tudo uma questão de target.

E como fazer na prática? Bom, o ideal seria algo de inbound para atração e de omnichannel para estabelecer o diálogo e a conversão. As social medias podem criar “influenciadores” dentro da empresa, funcionários que se tornam promotores espontâneos da filosofia da empresa, contagiando e engajando colegas. Nada como um bom trabalho estruturado de “mídia programática corporativa” não resolva.

Leave a Reply

Your email address will not be published.