3 motivos pelos quais sua estratégia de gestão do conhecimento não está funcionando

A Gestão do Conhecimento hoje é uma parte fundamental para a  competitividade de uma empresa. Afinal, através dela se perpetua o capital intelectual da organização, multiplica e expande o que cada pessoa sabe, diminuindo as ilhas de conhecimento, e potencializa a capacitação dos colaboradores.

Esses três fatores que citei acima, permitem com que a empresa organize melhor seus processos, identifique pontos de melhoria, crie soluções inovadoras e assim leve ao mercado produtos e serviços cada vez mais competitivos.

Mas, por que uma estratégia de Gestão do Conhecimento pode não estar dando certo? Bom, eu enxergo três prováveis causas para esse problema.

O primeiro é o patrocínio. O patrocinador é aquele cara que compra a ideia de se montar uma estratégia de Gestão do Conhecimento, que motiva o seu grupo a compartilhar o que sabe, dentro e fora dele. Se o gestor não comprar a ideia, se ele não enxergar a importância desse trabalho para a organização, os colaboradores abaixo dele hierarquicamente também não o farão.

A entrega deve vir de cima, do gestor, de maneira contagiante, senão nada feito. A Gestão do Conhecimento passa a ser mais um trabalho a ser feito dentro de uma rotina muitas vezes apertada. Isso nos leva à segunda causa, a falta de motivação.

Ok, você é um gestor que está entusiasmado com a Gestão do Conhecimento, mas não consegue passar essa empolgação para seus colaboradores.

A falta de motivação para que as pessoas não pratiquem a Gestão do Conhecimento pode estar ligada a falta de um escopo bem definido. As pessoas sabem por que devem compartilhar o que sabem? Sabem quais as vantagens que isso pode trazer para o negócio da empresa e para o desenvolvimento delas próprias?

Pois é, se isso não está bem claro na cabeça das pessoas, a coisa não acontece, afinal é complicado você fazer sem ter uma noção clara de por que está fazendo aquilo. Desmotiva e se perde o interesse, passa-se a ver como algo que compete com as atividades de processo de trabalho, ao invés de uma complementação.

Agora, se você é um gestor motivado e que consegue passar a ideia e convencer seu grupo a desenvolver a Gestão do Conhecimento, e mesmo assim a coisa não anda, então chegamos na terceira causa provável, a comunicação.

As pessoas sabem exatamente como a Gestão pode e deve ser feita? O estímulo chega de maneira adequada até os colaboradores? Essas perguntas são fundamentais para que a estratégia funcione. Essa comunicação pode ser feita em uma reunião de flow down, em fóruns presenciais de comunidades de prática, workshops e outras tantas opções. Uma ideia seria ter uma pessoa focada na comunicação ou se alinhar com a área de Comunicação Interna. O uso do endomarketing nesse caso é algo muito importante para fazer com que os colaboradores entendam e comprem a filosofia da ideia de se ter uma estratégia de Gestão do Conhecimento.

Um gestor motivado, que consegue levar a ideia por trás da estratégia e fazer os colaboradores participarem e compartilharem seus conhecimentos, com certeza terá uma Gestão do Conhecimento bastante eficaz e que gera bastante resultados.

E aí, como está sua estratégia de Gestão do Conhecimento? Que tal fazer uma reflexão para ver se ela atende esses pontos chaves?

 

* Publicado originalmente no Ideia de Marketing.

Leave a Reply

Your email address will not be published.